-->

Anuncio!

Facebook vai proibir publicidade sobre criptomoedas.

As criptomoedas de um modo geral são um dos temas mais abordados atualmente, por isso mesmo, é comum que agora se veja vários anúncios, publicidade, workshops, formações, etc, sobre este assunto. Mas, o Facebook anunciou sexta-feira(02) novas regras e irá dificultar/proibir publicidade sobre as criptomoedas.
Se estiver atento ao seu feed no Facebook, provavelmente já lhe apareceram alguns anúncios sobre Bitcoins.
Mas essas publicações vão deixar de existir, uma vez que o Facebook anunciou que irá proibir anúncios e publicidades que promovam serviços financeiros relacionados com Bitcoins, ICOs (Initial Coin Offering ou Oferta Inicial de Moedas) e outras criptomoedas.



O anúncio foi feito terça-feira(30) por Rob Leathern, Gestor de Produtos do Facebook, na página dedicada aos negócios:
"We’ve created a new policy that prohibits ads that promote financial products and services that are frequently associated with misleading or deceptive promotional practices, such as binary options, initial coin offerings and cryptocurrency."

Esta proibição é agora o ponto nº 29 das Políticas de Publicidade do Facebook:

O principal objetivo desta proibição é evitar publicações falsas, fraudes e scams, que têm o intuito de burlar pessoas.
"We want people to continue to discover and learn about new products and services through Facebook ads without fear of scams or deception. That said, there are many companies who are advertising binary options, ICOs and cryptocurrencies that are not currently operating in good faith."

Rob Leathern deixa ainda a indicação de que, possivelmente, haverá algumas publicidades e anúncios que o Facebook não deteta, deixando assim o apelo a que todos os utilizadores denunciem publicações deste gênero sempre que as virem.

Para além do Facebook, esta nova política será também implementada noutras plataformas do Facebook como o Audience Network e o Instagram.

Política do Facebook pode ser revista


Esses anúncios, argumentou Leathern, estão sendo analisados como parte de uma política, em desenvolvimento, contra atividades fraudulentas no site.

Leathern acrescentou que a medida se estende para outras plataformas sob a administração do Facebook, incluindo o popular aplicativo de compartilhamento de fotos, o Instagram. Ele pondera que a política pode sofrer alterações no futuro, embora ele não ofereça nenhum tipo de cronograma a respeito.
“Esta política é intencionalmente abrangente enquanto trabalhamos para melhor detectar práticas publicitárias enganosas e maliciosas. Dessa forma a implementação da medida será implementada em nossas plataformas incluíndo o Facebook, o Audience Network e o Instagram”, escreveu ele. “Podemos rever esta política e seu encaminhamento à medida que nossa percepção melhorar”, finalizou.

Concorda com esta nova política?

Fonte:Dedsec, coindesk
Compartilhar:
← Anterior Proxima → Inicio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Sites Parceiros

Anuncio No Post

Anuncio No Post

Anuncio Aqui!