-->

Anuncio!

O mito da imunidade do Linux e Um belo antivírus para Linux!

Sempre quando falamos em Linux, muita gente pensa que "Eu vou usar Linux, porque ele não pega vírus" ou até mesmo "Não existe vírus pra Linux". Isso é um equívoco pois todo sistema é propenso a vírus porém pela quantidade de usuários e a sua segurança, o Linux se comparado ao Windows, está realmente bem melhor.



Nesse gráfico, feito pela Netmarketshare, fez essas comparações e o Windows tem uma larga vantagem no quesito usuários e obviamente quem for desenvolver um vírus, vai desenvolver onde se há mais chances de infectar alguém.

Agora que já sabemos que o Linux também está propenso a vírus, vamos apresentar uma alternativa bem interessante que particularmente uso e indico.

O antivírus, ClamAV é open source e até o momento está na sua versão 0.99.3.
Instalação

O ClamAV, contém os repositórios do Ubuntu. Atualmente estou usando a distribuição Xubuntu nativamente, então vamos usar o seguinte comando no terminal:
sudo apt install clamav



Aguarde a instalação e quando terminar, vamos atualizar:
sudo fresclam

Aguarde atualizar e ao terminar, você poderá executar ele no terminal ou poderá pedir ajuda usando o -h, onde ele lhe apresentará um texto com toda a explicação de uso:
clamscan -h

PS: O uso é um pouco diferente, embora o nome seja "clamav" você deverá executar para ClamAV usando o "clamscan"

Será exibido isso ou algo semelhante dependendo da versão.

Você tem a opção de fazer um scan diretamente da linha de comando, basta colocar instruções para o scan entender o que exatamente você quer, no meu caso, coloquei um scan na minha pasta de usuário de modo recursivo genericamente falando seria assim:
clamscan <opções> <alvo do scan>

No meu caso fica assim:
clamscan -r /home/augusto

Aguarde o scan ser terminado e no fim ele apresentará o resumo. Para mim não há nenhuma ameaça de vírus que ele encontrou, ufa!

Lembre-se: Não é por que ele não detectou que o vírus não exista.

Uma boa opção pra quem não gosta do terminal, também poderá contar com o ClamAV no modo gráfico, mas pra isso vamos obrigatoriamente ter de usar o terminal pra instalar:
sudo apt install clamtk

Logo após a instalação, basta buscar no campo de busca do seu sistema:

Ao clicar no ClamTk dependendo da versão você vai se deparar com mais ou menos isso, para aqueles que não gostam de ler tudo o que se mostrado no "help" da aplicação, no modo gráfico ele é bem direto e simples, onde basta dá dois cliques e ir na função onde você quer, no nosso caso para demonstração. Vamos analisar um pendrive que está no meu notebook neste momento.

Para analisar, vamos clicar em "Escanear um diretório", logo após nos depararemos com isso:

Basta clicar onde você quer escanear e clicar em "OK" na demostração, iremos escanear o "4,0 GB Volume" que é o meu pendrive.

Aparecerá essa janela com o progresso do scan, juntamente com a quantidade de arquivos e o que ele achar de vírus.



Ao ser concluído o scan, ele vai lhe apresentar isso caso não houver nenhum tipo de incidente, no diretório ou volume que você mandou escanear.

No fim você poderá também consultar o histórico do scan, no menu inicial do Clamtk.

No quesito antivírus, você poderá encontrar uma infinidade deles, tanto para Windows como para Linux, cabe a você instalar, e a usar para saber qual melhor atende as suas necessidades de uso e aquele que menos lhe atrapalha.
Compartilhar:
← Anterior Proxima → Inicio

Um comentário:

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Sites Parceiros

Anuncio No Post

Anuncio No Post

Anuncio Aqui!